Quem tem mais de um gato em casa precisa tomar cuidado com as brincadeiras que podem virar brigas ocasionais. Seja por posse de algum objeto ou para marcar território, os felinos que moram na mesma casa podem se estranhar de vez em quando. Já os animais que estão na natureza ou os de rua também podem brigar para disputar a fêmea. Isso pode acontecer em casa também, mas é raro se os gatos forem castrados. Para ajudar os donos, o Patas da Casa vai dar algumas dicas de como prevenir, reconhecer e separar uma briga de gato.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Não tenho pets
Tenho cão
Tenho gato
Tenho cão e gato
Autorizo receber comunicações e publicidade da NESTLÉ®.

Briga de gato: veja porque eles podem brigar

Gatos são animais territorialistas e, para manter o seu reino protegido - isso inclui caixas de areia, fontes de água, cama e até mesmo o seu dono -, eles podem ficar agressivos. Engana-se quem acha que esse temperamento brigão é exclusivo dos machos. As fêmeas também podem ser tão agressivas quanto os machos ao defender seu território. Outro motivo é o gato se sentir ameaçado de alguma maneira, seja por outro animal ou humano.

Som de gato brigando? Saiba reconhecer quando o gato está prestes a atacar

  • Olhar fixo;
  • Lombo arqueado;
  • Pelagem arrepiada;
  • Grunhidos altos e repetidos.

Gato brigando: saiba o que fazer durante a briga

 

 

Saiba o que fazer para os seus gatos não brigarem em casa

Saiba o que fazer para os seus gatos não brigarem em casa

 

 

A última coisa que o humano tem que fazer durante uma briga de gatos é se me meter no meio, mesmo que seja para afastar um deles. O importante é tirar a atenção deles da briga e, para isso, existem algumas maneiras:

 

  • Jogar um jato de água; 

  • Bater palmas ou em algum objeto que faça barulho perto deles; 

  • Jogar um brinquedo deles no meio.

Assim que separar os brigões, espere os gatos se acalmarem separadamente e depois de comportados, dê um petisco para eles relacionarem ao bom comportamento. Não ofereça o petisco durante ou logo depois da briga, isso pode fazer com que ele ache que a recompensa é por causa da briga.  

Briga de gato: saiba como prevenir 

Para quem já tem um gato e deseja pegar outro, o ideal é fazer a adaptação gradualmente e providenciar todos os acessórios separadamente. Cama, arranhador, potes e camas devem ser individuais nesse primeiro momento. Já quem tem mais de um gato macho na casa e percebe que o comportamento agressivo está frequente, a maneira mais eficaz de prevenir brigas entre eles é a castração. Além da melhora no comportamento, a castração dos gatos é muito benéfica para a saúde, já que evita infecções e tumores nos órgãos reprodutivos. 

Caso perceba que a agressividade está além do que seria considerado normal, procure o seu veterinário para que ele possa analisar o caso individualmente e recomendar o melhor tratamento. 

Redação: Mariana Almeida