Assim como acontece com os humanos, os animais também podem sofrer com alguns problemas estomacais, como é o caso da gastrite em cachorro. Esse é um quadro mais comum do que se pensa, principalmente quando se trata de um cãozinho que não segue uma dieta balanceada e saudável. Às vezes, até mesmo questões emocionais ou o uso de medicamentos podem estar associados ao surgimento da doença. Por isso, é fundamental saber como identificar um cachorro com gastrite e o que fazer nessa situação. Para esclarecer algumas dúvidas sobre o assunto, o Patas da Casa reuniu as principais informações sobre a gastrite no cachorro. Veja só!

Gastrite em cachorro: aprenda a identificar os primeiros sinais do problema

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Não tenho pets
Tenho cão
Tenho gato
Tenho cão e gato
Concordo que a Nestlé use meus dados de contato e interações para me mandar comunicações de marketing. Seu consentimento para este fim é voluntário e você é livre para retirá-lo a qualquer momento. Mais informações disponíveis em nossa
Política de Privacidade da Nestlé.

A gastrite nada mais é do que a inflamação da mucosa que reveste o estômago, causando bastante desconforto gastrointestinal no paciente. Por isso, quando um cãozinho é acometido pela doença, não é muito difícil de perceber. Os sintomas de gastrite em cachorro são variados, mas normalmente incluem vômito, dores abdominais, prostração, falta de apetite, perda de peso e diarreia.

É importante ter em mente que a inflamação estomacal prejudica bastante o processo digestivo dos cães, que se sentem muito incomodados na hora de se alimentar. Sendo assim, o cachorro com gastrite não quer comer por receio de passar mal depois. Mas vale ficar atento também aos outros sintomas, uma vez que a falta de apetite é uma situação comum em vários outros quadros.


Cachorro com gastrite não quer comer para evitar o desconforto
Cachorro com gastrite não quer comer para evitar o desconforto

Cachorro com gastrite: o que comer nessas condições?

Como os cães doentes apresentam maior dificuldade para comer, uma dúvida muito comum é como deve ser a alimentação do cachorro com gastrite. Pode parecer um bicho de sete cabeças para quem não está familiarizado com a situação, mas, na verdade, é muito simples: a ração para cachorro com gastrite deve ser a mais natural possível. Sendo assim, é fundamental que o tutor consulte a tabela nutricional do alimento escolhido para a dieta do cão com gastrite, analisando os ingredientes presentes na sua composição e verificando se não há nada que possa fazer mal para o estômago do seu amigo de quatro patas. Em caso de dúvidas, o ideal é consultar um médico veterinário para saber quais componentes não devem fazer parte da ração para cachorro com gastrite.

Veja como tratar gastrite em cachorro e o que fazer para prevenir a doença

Percebeu um ou mais sintomas de gastrite em cachorro? A melhor opção é levá-lo para uma consulta com um profissional. Só assim será possível chegar ao diagnóstico correto, que deve ser realizado por meio de alguns exames, como a endoscopia. Com a confirmação da gastrite no cachorro, o médico veterinário pode indicar qual é o tratamento mais adequado para o seu amigo de quatro patas, que pode variar desde o uso de medicamentos específicos até mudanças alimentares na rotina do seu cãozinho. Alguns tutores também tendem a procurar por tipos de remédio natural para gastrite em cachorro, e até existem alternativas possíveis, como a adição de abóbora ou beterraba assada à alimentação do animal. Mas nada de fazer tudo por conta própria, hein? Lembre-se de sempre conversar com o médico do seu pet para se certificar de que não há risco de ocorrer nenhum problema posteriormente.

Redação: Juliana Melo